quarta-feira, 13 de maio de 2009

The discovery of powder

O óbvio, há décadas sabido, repetido pela Economist:

«To improve its performance, Portugal needs more flexible labour laws, less bureaucracy, a better educated workforce, more competition and a smaller state. As the IMF states in a recent report, the country’s fundamental problems are domestic, not global, in nature. But political leaders find reforms hard to push through.»

1 comentário:

Manuel Antonio Vidal disse...

É o mesmo velho problema de sempre. Já Freitas do Amaral, por exemplo, anunciava numa das suas campanha eleitorais, menos estado melhor estado. Como para muitos ele já não tem valor, porque se passou para o outro lado...Quanto a flexisegurança, conceito novo, de que se fala abundantemente por estes dias, é um pau de dois bicos.