sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Tirem o cavaquinho da chuva

Acho fantástico como alguns apoiantes de Cavaco vêm agora pedir votos à Direita. Porque senão,... é o horror, a tragédia, a calamidade!

Pergunto: que mais surpresas é que Cavaco tem reservadas para o segundo mandato? Mais cooperação estratégica, de maneira a aguentar Sócrates até ao fim do mandato? Um novo Tratado dos Estados Unidos da Europa sem direito a referendo? Ou será de União Ibérica? Legalização da pedofilia? Venda de território?

2 comentários:

António Vidal Reis disse...

Cavaco sempre teve um pouco a mania de se intitular o salvador da pátria e de fazer chantagem barata com os portugueses. Basta recordar o que disse e fez, mas ainda quando criou o famoso tabú do "homem do leme". No fundo ele também ajudou a criar "o monstro" que tanto criticou, ele e outros estão comprometidos uns com os outros quando passaram pelos corredores do poder, pelo que fizeram ou deixaram por fazer. Nem falar das embrulhadas em que se meteram os "amigos" de Cavaco, em paridade com os outros "amigos" dos que estão agora no poder...

Paulo Lisboa disse...

Ó Joao Quaresma, nem tanto ao mar nem tanto à terra.
É certo que o Cavaco, diga o que se disser, manifestamente não é de direita, tem poucas ou nenhumas ideias, tem a mania que é um espécie de Salazar da democracia, já que mostra desprezo pelos políticos, ao dizer que não é um político profissional, não lê jornais, e cultiva um estilo austero.
Mas apesar disso, não me parece que amanhã desate a «comer criancinhas ao pequeno-almoço», salvo seja...